Sexta, 18 de Junho de 2021 18:47
61 99660-9440
DISTRITO FEDERAL COVID-19

Com remanejamento de vacinas, DF começa a imunizar pessoas com 58 anos

Começa hoje imunização contra a covid-19 para pessoas com 58 anos no Distrito Federal. Esse é o segundo grupo do público geral, cujo atendimento teve início ontem. Intenção do Executivo local é contemplar uma nova idade a cada semana

08/06/2021 10h18
53
Por: DILMAN LIMA
O motorista Jorge Silva (D) visitou o posto do Estacionamento 12 do Parque da Cidade com o primo Joselito:
O motorista Jorge Silva (D) visitou o posto do Estacionamento 12 do Parque da Cidade com o primo Joselito: "Morrer a gente vai, mas não pode ser por causa dessa doença" - (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

A partir desta terça (8/6), pessoas com 58 anos poderão se vacinar contra a covid-19 na capital do país. Representantes do Governo do Distrito Federal (GDF) anunciaram a ampliação da campanha nessa segunda-feira (7/6). Um dia antes, o Correio antecipou que o Executivo local pretendia atender mais um grupo etário a partir da chegada de doses. O agendamento para o novo público começou às 17h. Essa será a segunda faixa de idade da população geral a ser contemplada. Na segunda-feira (7/6), pessoas com 59 anos começaram a receber a primeira dose. A marcação para quem tem menos de 60 anos — e para categorias profissionais ou pessoas com comorbidades — ocorre pelo site vacina.saude.df.gov.br.

Gustavo Rocha, secretário da Casa Civil do DF, afirmou, em entrevista coletiva no Palácio Buriti, que o DF tem 28.991 pessoas com 58 anos, segundo estimativa da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan). Desse total, 8.491 estão vacinadas, por fazerem parte de grupos com alguma condição de saúde ou por integrarem categorias profissionais prioritárias. O secretário acrescentou que as doses disponíveis no estoque da Secretaria de Saúde (SES-DF) são suficientes para atender os cerca de 20 mil indivíduos ainda não contemplados.

A inclusão do novo grupo ocorreu após remanejamento das unidades de imunizantes não procuradas pela população inclusa na campanha. “As doses não ficarão aguardando, mas vão entrando no fluxo para (dar) maior celeridade à vacinação”, declarou Gustavo Rocha. Na semana passada, o GDF estabeleceu um prazo: quem marcar e não comparecer ao posto de atendimento no dia da aplicação terá só cinco dias corridos para voltar ao local. Caso não apareça, a pessoa cadastrada perde a vez na fila.

A intenção do governo local é abrir vagas para uma nova faixa etária a cada semana, a partir da chegada de novas doses e do remanejamento de imunizantes disponíveis na capital federal. Em nota, o Palácio do Buriti informou que “o objetivo do governador Ibaneis Rocha (MDB) é que toda a população do Distrito Federal seja vacinada o mais rapidamente possível”.

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, reforçou a declaração durante a cerimônia de ontem. “Todas as vezes em que a secretaria puder antecipar o agendamento, a vacinação e, em alguns casos, o cadastramento de pacientes, vamos fazer”, disse. O chefe da Casa Civil completou: “Na semana que vem, a pasta vai analisar se há condições de baixar a idade novamente. A orientação é dinamizar e acelerar essa diminuição sempre que possível. Primeiro, passamos uma posição conservadora (do calendário). De acordo com o andamento, a SES-DF verifica se é possível reduzir a idade. Para as pessoas com 58 anos, foi possível”.

Brasília - DF
Atualizado às 18h47 - Fonte: Climatempo
24°
Alguma nebulosidade

Mín. 10° Máx. 26°

24° Sensação
11 km/h Vento
39% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (19/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 26°

Sol com algumas nuvens
Domingo (20/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens