Segunda, 19 de Abril de 2021 00:39
61 99660-9440
Cidades LOCKDOWN EM GOIÁS

Decreto em GO proíbe cidades em calamidade de flexibilizar restrições

Ronaldo Caiado anunciou que revezará o fechamento de atividades econômicas para uniformizar medidas. 235 de 246 cidades estão em calamidade

16/03/2021 21h11
72
Por: Samuel Barbosa Cruz Fonte: Metropoles
Decreto em GO proíbe cidades em calamidade de flexibilizar restrições

Goiânia – O Governo de Goiás chamou para si a responsabilidade pelo fechamento das atividades econômicas no estado, em decorrência do avanço da pandemia de Covid-19, e divulgou novo decreto nesta terça-feira (16/3).

Hoje, de acordo com o mapa da gravidade da pandemia, atualizado semanalmente no painel eletrônico mantido pela SES-GO, apenas 11 dos 246 municípios goianos não estão em calamidade. Ou seja, as medidas anunciadas nesta terça valem para, praticamente, todo o estado.

Até então, os municípios vinham decidindo por conta própria, conforme norma técnica divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO). Com o agravamento do cenário, de acordo com o governo, mostrou-se necessária a uniformização das restrições, que passam a valer a partir desta quarta-feira (17/3).

O decreto determina que o revezamento seja de 14 dias de fechamento e 14 dias de reabertura, para os setores considerados não essenciais. Além disso, fica proibido que cidades em situação de calamidade, estado decretado quando chega-se a níveis críticos, flexibilizem as medidas.

Nas últimas semanas, após o acirramento das regras locais, algumas cidades começaram a flexibilizar as ações de combate à doença e cederam à pressão de determinados setores econômicos, apesar da continuidade do grave contexto da pandemia.

“Ultrapassamos o pior momento”

Durante a apresentação das medidas, nesta terça, o governador Ronaldo Caiado (DEM) expôs gráficos que mostram a oscilação do número de casos confirmados de Covid-19 no estado e a média móvel de mortes ocasionadas pela doença, desde o início da pandemia.

“No momento mais crítico da primeira onda, no ano passado, atingimos uma média de 421 óbitos por semana. Hoje, já chegou a 437 óbitos por semana, e numa escala crescente. Ultrapassamos o pior momento da primeira onda e numa tendência de crescimento”, frisou.

 

Variantes“A variante britânica,

já está comprovado, tem uma capacidade de produzir carga viral no paciente duas vezes maior que o primeiro vírus. Por que os jovens estão sendo altamente penalizados? Porque eles até resistiam a contaminação do primeiro vírus, mas com o volume de proliferação e a carga viral de agora eles não suportam”, disse.

O reflexo disso tem se mostrado na alta demanda por leitos de UTI. Mesmo com o aumento dos leitos, que já chegam a 524 unidades nos hospitais regulados pelo Estado e exclusivos para casos de Covid-19, a ocupação segue alta. Nesta manhã, estava acima de 98,2%.

Regras

As novas regras do decreto vêm para tentar conter esse cenário em ascensão. O texto reedita normas que foram publicadas no ano passado, durante os momentos mais graves da pandemia.

Algumas das atividades consideradas essenciais e que ficam fora da regra de revezamento 14 x 14, são: farmácias e unidades de saúde, clínicas veterinárias, postos de combustíveis, supermercados, bancos, casas lotéricas, delivery, construções de interesse público e outros.

As medidas se assemelham a decretos que vinham sendo adotados, separadamente, nos municípios, como Goiânia e região metropolitana, mas têm o rigor da uniformização.

O governador, que é médico, destacou, ainda, a severidade do quadro clínico dos pacientes que chegam aos hospitais. Com a transmissão comunitária das novas variantes do coronavírus, em Goiás, observa-se uma mudança de contexto, em relação ao ano passado.

 

Brasília - DF
Atualizado às 00h36 - Fonte: Climatempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 16° Máx. 26°

19° Sensação
2 km/h Vento
94% Umidade do ar
80% (16mm) Chance de chuva
Amanhã (20/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 25°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quarta (21/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 26°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.